19 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

GERAL Terça-feira, 19 de Novembro de 2019, 16:21 - A | A

Terça-feira, 19 de Novembro de 2019, 16h:21 - A | A

INFRAESTRUTURA

Obras paralisadas pela Justiça em MT somam quase R$ 54 milhões

PNB Online

Um levantamento divulgado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nesta terça-feira (19) aponta que há atualmente no estado de Mato Grosso 30 obras paralisadas por determinações judiciais, o que resulta no travamento de R$ 53,8 milhões em recursos.

 

Dentre as obras paralisadas, 13 são de responsabilidade estadual e 17 de responsabilidade de prefeituras municipais. Mais da metade das obras de responsabilidade estadual já deveria ter sido entregue, como é o caso de um espaço educativo de 08 salas no município de Nobres. 

 

A construção, que faz parte do “Projeto Escola Padrão”, teve seu convênio firmado em 2008 e deveria ter sido entregue em dezembro de 2016. Segundo o relatório da CNJ, a obra, orçada em mais de R$ 1,2 milhão, já está 99,78% concluída.

 

Do montante de obras, apenas uma, em Primavera do Leste, não é identificada como da área da educação. Uma das construções chega a sete anos de atraso. Trata-se de uma unidade escolar em São Félix do Araguaia, a 1.150 km da capital, no Norte do estado. A entrega da obra estava prevista para 2012, mas até agora apenas 42% foi executada. 

 

O “Diagnóstico sobre Obras Paralisadas” foi elaborado pelo CNJ em parceria com o Tribunal de Contas da União (TCU) e a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon). O objetivo do levantamento é ajudar a destravar as obras paralisadas e fomentar ações para que o Poder Judiciário priorize a solução destes casos. 

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image