24 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLICIA Quinta-feira, 31 de Outubro de 2019, 13:49 - A | A

Quinta-feira, 31 de Outubro de 2019, 13h:49 - A | A

DENÚNCIA ANÔNIMA

Criminosos mortos na Estrada do Manso são suspeitos de matar empresário

Circuito MT

Uma denúncia anônima informou à Polícia Militar que os criminosos mortos em tiroteio na noite desta quarta-feira (30), na Estrada do Manso, teriam envolvimento no assassinato do empresário Carlos Lock, 62 anos. A vítima foi baleada durante uma tentativa de assalto à porta de um banco, em Cuiabá-MT.

 

A informação foi registrada momentos antes da troca de tiros. E o informante disse que o grupo estava na região para cometer novos crimes.

De acordo com informações da PM, o bando estava dividido em dois carros. Um dos veículos desobedeceu à ordem de parada feita pelos agentes de segurança e foi perseguido. Em determinado momento, os três ocupantes desceram do automóvel e atiraram contra os militares, que revidaram os disparos. Todos os suspeitos foram baleados.

O segundo carro tentou empreender fuga, mas foi localizado cerca de 100 metros depois do local do primeiro confronto. A dupla também trocou tiros com a equipe da Rotam e levou a pior.

 



 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado para socorrer os feridos, três deles não resistiram e morreram a caminho do Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC). Os outros dois morreram logo ao dar entrada na unidade de saúde.

Com os criminosos, foram encontradas quatro armas de fogo e um simulacro. Uma das pistolas era uma PT 100, da Polícia Militar de Mato Grosso. A arma havia sido furtada em 2017.

Os bandidos foram identificados como Lucas Matheus Campos Arce, 21 anos, Vanderson da Conceição Ferreira, 33 anos, Francisco Junior de Carvalho, 32 anos, Kelvin Dias Nascimento, 23 anos e Bryan Christian Rodrigues Pinheiro, de 19 anos.

Morte de empresário

O empresário Carlos Lock, proprietário de um posto de combustíveis, foi baleado com dois tiros no peito, na manhã do dia 1º de outubro. Na ocasião, ele foi até uma agência do Banco Itaú, na Avenida Fernando Correa da Costa, em Cuiabá, para depositar o dinheiro, que estava em mala.

Foi surpreendido por um criminoso no momento em que entrava na agência. O assaltante exigiu que ao empresário entregasse a bolsa, mas ele reagiu à abordagem e foi alvejado. O suspeito fugiu logo após o crime.

Carlos Lock foi socorrido por uma equipe médica do Samu e encaminhada para o Pronto-Socorro de Cuiabá. Foi transferido para um hospital particular no dia seguinte, onde ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI)  e morreu no dia 4 de outubro.

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image