29 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

GERAL Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2022, 09:17 - A | A

Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2022, 09h:17 - A | A

NEGÓCIOS

Grupo profissional de networking garante retorno financeiro a empresários de MT

Empreendedor chega a faturar R$ 260 mil ao longo de seis meses por meio de indicações de grupo

Redação

O networking é uma ferramenta essencial para empresários e empreendedores que desejam construir uma rede de apoio durante sua jornada, além de trabalhar o marketing pessoal e possibilitar o acesso de informações diferenciadas do mercado.

A prática, inclusive, é tradicional nos Estados Unidos e Europa e pode auxiliar na recolocação de um profissional ou de uma marca no mercado de trabalho. No Brasil, a cultura do networking tem ganhado cada vez mais espaço e grupos profissionais, como o BNI Brasil, já tem ampliado sua área de atuação.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Em Mato Grosso, empresários relatam que têm mudado suas rotinas e resultados desde que entraram no grupo, que não gera concorrência direta, já que cada empresário ocupa uma cadeira de forma exclusiva. “Ou seja, podemos ter vários advogados em um mesmo grupo, mas cada um será de uma área específica de atuação”, explica o diretor executivo do BNI em Mato Grosso, Mário Quirino.

A indicação, aliás, é a “chave-mestra” do grupo de networking. “O BNI só vem contribuir. Hoje meu departamento de vendas é o BNI. A cada reunião treino meus “vendedores”. Aqui não construí só negócios sólidos e sim parcerias para a vida toda. Não são só benefícios financeiros, mas aqui nos edificamos como ser humano”, afirma Lindomar Dorileo, mentor empresarial e um dos sócios fundadores do BNI em Mato Grosso.

Conforme o empresário, desde que entrou no grupo, há 6 meses, faturou em negócios fechados mais de R$ 260 mil. “Se perguntarem para mim se quero dinheiro ou networking, eu prefiro networking porque com o networking a gente vai a lugares e abre portas que o dinheiro não abre”, completou.

Para a arquiteta Kelly Mendes, na cadeira de design de interiores, um dos pontos altos de participar de um grupo de networking é o conhecimento. “O BNI possui faculdades para seus participantes e tem sido fundamental para oxigenar meu negócio. Aqui, me reinventei e renovei minha forma de trabalhar. Tenho negócios fechados no valor de R$ 10 mil e este lucro é consequência do trabalho bem feito”.

Além do lucro e do conhecimento adquirido, o empresário Rudiney Gonçalves, na cadeira de consultoria de Tecnologia da Informação, afirma que um grupo profissional de networking também contribuiu para que além de ganhar dinheiro, os empresários não percam dinheiro.

“O BNI une ao menos duas coisas: o negócio em si e o networking. Dentro do grupo é possível também explicar e ensinar aos empresários presentes exatamente o que eu faço. Isso desmistifica e quebra paradigmas, trazendo mais assertividade para todos, já que, sabendo exatamente onde eu atuo, meu produto é entregue corretamente”, explica.

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image