13 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍTICA Quarta-feira, 27 de Novembro de 2019, 11:21 - A | A

Quarta-feira, 27 de Novembro de 2019, 11h:21 - A | A

CPI DA ENERGISA

Sindicalista denuncia aumento de 36% na tarifa e redução de pessoal: “Estão matando pessoas”

Esportes & Noticias

Energisa reduziu pessoal e aumentou em 36% a tarifa de energia cobrada aí consumidor. A rede aumentou e não consegue atender a todos os clientes, afirma Odilon Apiloci , do Sindicato dos trabalhadores da Energisa (STI). Ele depois na Comissão Parlamentar de

Inquérito (CPI) da Energisa, que apura a cobrança abusiva e má qualidade dos serviços da empresa.

A testemunha afirma que a Energisa está matando pessoas por conta da falta de manutenção na rede, que está “no meio do mato”, como a linha que vem da Serra de São Vicente.

“A rede cresceu mais de 70 mil quilômetros. Como que reduz pessoal e atende a toda essa rede. O número de consumidores aumentou.

Trouxemos aquele imagens que mostram o abandono da rede, que está lá oferecendo risco”, declara.

Nas palavras do sindicalista, a Energisa é um monopólio que age em benefício de empresas ligadas ao grupo que pertencem aos seus diretores.

“Não estou aqui pra atacar ninguém, mas é preciso falar a verdade. Não é possível que mais de 3 milhões de pessoas têm que ser submetido a isso”, pontua.

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image