14 de Junho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍTICA Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2023, 15:04 - A | A

Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2023, 15h:04 - A | A

CONHECER AS DIFICULDADES

Mesa redonda discute inclusão social e direitos humanos em Cuiabá

Redação

A cultura do respeito aos direitos humanos permeou as discussões na mesa redonda sobre “Inclusão social e direitos humanos” na segunda-feira (11) à noite, no plenário da Câmara Municipal de Cuiabá. O evento foi presidido pelo vereador Kássio Coelho (PRD). Ele promoveu o evento a pedido da Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência.

 

Além do vereador, a mesa de honra foi composta pelo secretário adjunto da Pessoa com Deficiência de Cuiabá, Rubens Dias da Silva, a representante do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conede), Jandira Andrade, a secretária adjunta de Direitos Humanos, Cristiane Regina Fonseca. A advogada Kaline Dourado mediou a mesa redonda. 

 

Kássio Coelho destacou que eventos como esses são importantes para trazer conhecimento sobre as dificuldades de uma parcela da sociedade, que são as pessoas com deficiência. 

 

“Tenho defendido muito a questão da acessibilidade para essas pessoas, que hoje não têm condições para trafegar pelas ruas de Cuiabá, pelas dificuldades impostas. É uma vergonha, pois temos investimento superior a R$ 50 milhões e eu espero que as pessoas com deficiência sejam contempladas com políticas públicas dando mais dignidade, garantindo o direito de ir e vir”. 

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Cristiane Regina Fonseca, a secretária adjunta de Direitos Humanos, ressaltou que o mês de dezembro comemora várias datas inclusivas. O dia 3 é uma dessas datas, pois traz à tona as questões das pessoas com deficiência. Além disso, no dia 11 celebrou-se o Dia Internacional dos Direitos Humanos.

 

“São datas que marcam um grande ponto histórico na sociedade, no que se remete a toda essa questão dos direitos para todos os povos, independente da classe, da cor, do credo, da etnia e assim sucessivamente”.

 

Túlio Gontijo, coordenador do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), ressaltou a importância de dialogar sobre o tema. Ele também mencionou que a universidade, por ser uma referência na temática dos direitos humanos e inclusão, tem muito a contribuir para o debate.

 

"Ao abordarmos direitos humanos e inclusão social, estamos nos referindo às minorias e aos grupos marginalizados. É imprescindível que dialoguemos e debatamos esses temas cada vez mais, uma vez que são assuntos valiosos e importantes para o progresso da sociedade cuiabana".

 

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image