25 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍTICA Terça-feira, 20 de Dezembro de 2022, 09:23 - A | A

Terça-feira, 20 de Dezembro de 2022, 09h:23 - A | A

ATUAÇÃO MARCANTE

Bom trabalho garante volta de Gilberto Figueiredo à SES

Regina Botelho Da Redação

Já é dada como certa a volta de Gilberto Figueiredo (União Brasil) ao comando da Secretaria de Estado de Saúde (SES). Candidato derrotado a deputado, ele deveria ter retornado ao cargo ainda em novembro, porém, um novo diagnóstico da covid-19 impossibilitou que ele aceitasse de pronto o convite do governador Mauro Mendes (União Brasil). O bom trabalho de Gilberto à frente da SES, principalmente na linha de frente no combate ao coronavírus, fez com que o governador fizesse o convite para que o trabalho tivesse continuidade.

À frente da Secretaria, Gilberto travou embate com alguns municípios, demonstrando pulso firme para impedir o avanço da covid. Esse trabalho lhe rendeu notoriedade, com boletins diários, uma série de reuniões com especialistas, agentes políticos e muitos puxões de orelha por conta das medidas de biossegurança e, inicialmente, da tímida ação de imunização contra a doença.
Figueiredo assumiria a secretaria agora em dezembro, à exemplo, do empresário Mauro Carvalho (UB), que retornou ao Palácio Paiaguás, nesta quinta-feira (1), ao comando da Secretaria da Casa Civil. Contudo, novamente infectado, teve que postergar a volta, que acontece em janeiro.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

O reconhecimento pelo trabalho prestado vem de todos os municípios, a exemplo da se- cretária municipal de saúde de Paranaíta, Andre- ia Reis, que ressalta que as dívidas relativas aos repasses do Governo do Estado com os municípios, durante a gestão de Figueiredo, foram, enfim, colocadas em dia.

“Ele é o responsável por olhar para nossa região, que no início da Covid, não tinha leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). E rapida- mente, financiou o pagamento de leitos no particular”, avaliou.

Já o presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso (Cosems), Mar- co Antônio Norberto Filho, também ressaltou a ad- ministração do gestor.

Para o presidente, que também é secretário de Saúde de Nova Ubiratã, um dos principais pontos de destaque na administração de Gilberto Figueiredo foi o fortalecimento da Escola Pública. “Apoiou a realização de CIB itinerante, um fato histórico para Mato Grosso. Fortaleceu a Escola de Saúde Pública para que retomasse seu papel formador, oferecendo para os municípios e seus profissi- onais vários cursos nas mais diversas áreas”.

O empenho para a construção de novos hospitais, descentralizando o atendimento, desafogando a saúde pública da Capital, e proporcionando acolhimento de qualidade aos pacientes, também são fatores que fazem com que Gilberto tenha o retorno assegurado à Secretaria.

Ele sempre tem pontuado que a iniciativa para a construção das unidades de saúde integra o plano de políticas públicas do Governo de Mato Grosso, por meio do trabalho desenvolvido em sua gestão na SES-MT, voltado à melhoria da rede assistencial de saúde e ao de- senvolvimento social e geração de emprego e renda no Estado.

“Mato Grosso vem investindo em seis grandes hospitais. Mas esse não é um assunto ligado só à saúde, isso tem a ver com geração de emprego e renda para nossa população. Quando idealizamos esses projetos para a construção desses hospitais, nós sabíamos também que estariam impactando o mercado de trabalho”, esclarece Gilberto.

Um dos trabalhos de maior destaque de Gilberto à frente da Secretaria de Estado de Saúde foi a retomada das obras do Hospital Central, em Cuiabá. Até o momento, foi executado 66% do novo projeto, aproveitando a estrutura que esteve abandonada durante 34 anos.

Conforme o superintendente de obras em exercício, Lucas Barbosa, a obra segue avan- çando, mesmo que tenha passado por aditi- vos. “É comum haver aditivos durante o percurso de uma obra, tendo em vista a oscila- ção de valores no mercado da construção civil. O importante é que o fluxo do trabalho segue conforme o programado e avançando para a sua conclusão”, ressalta.

Até o momento, já foram realizados procedimentos de terraplanagem, serviço de sondagem para a central de água fria e reservatório, muro de divisa, rede de esgoto, demolição das alvenarias, reboco, cerâmica, fundação do prédio novo, caixa d'água e contrapiso do prédio existente; recupera- ção dos pilares, vigas de junta de dilatação e laje do prédio existente; impermeabilização, fundação do prédio novo, estrutura metálica, recuperação estrutural do prédio antigo (pilares, lajes, vigas, vigas baldrames e reforços) e drenagem de águas pluviais.

A unidade terá capacidade para oferecer 1.990 internações, 652 cirurgias, 3.000 consultas especializadas e 1.400 exames por mês. O novo projeto prevê 10 salas cirúrgicas, 60 leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 230 leitos de enfermaria. Além disso, a unidade de alta complexidade vai dispor um total de 290 leitos voltados para o atendimento de toda a população mato-grossense.

Considerado como um dos homens de confiança do governador, Gilberto iniciou sua atua- ção na Pasta em 2019 e se afastando por conta do pleito eleitoral. O ex-secretário já compõe o staff de Mendes desde o período em que Mendes foi prefeito de Cuiabá, entre 2013 a 2016, quando ocupou o cargo de Secretário Municipal da Educação.

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image